Escolha um profissional humanizado desde o início da gestação

Contar com um profissional que trabalhe com parto humanizado desde o início da gravidez é uma das melhores formas de conseguir informações seguras sobre o assunto. É um especialista capacitado para tirar todas as dúvidas e explicar todos os processos envolvidos. Ter acesso a dados confiáveis e precisos é fundamental para que os pais possam decidir com total liberdade e independência a forma como o filho virá ao mundo.

Segundo recomendação da Organização Mundial da Saúde, as cesarianas não devem ultrapassar uma taxa de 15% dos nascimentos realizados no país. Mas, na prática, isso não acontece. A taxa de cesarianas efetuadas no Brasil pela saúde privada (planos de saúde) é de mais de 80%. O principal motivo para isso acontecer é a cultura da cesariana criada na sociedade, que acredita que o procedimento cirúrgico é o processo mais seguro, mais prático e menos dolorido.

Cesariana na cultura brasileira

Independente do grau de educação, grande parte dos brasileiros enxerga a cesariana como um processo evoluído e mais prático. Isso acontece porque há um incentivo por parte de muitos médicos para que os pais optem pelo procedimento cirúrgico. A falta de informações sobre o real processo do parto humanizado, faz com que a cesária seja efetivamente a opção mais escolhida para os nascimentos realizados.

Por que os médicos incentivam?

São muitas as razões para os médicos preferirem realizar uma cesareana. Este é o método mais rápido, exatamente porque não respeita o tempo natural do nascimento. Como geralmente faltam leitos para gestantes na enfermaria, a tendência é apressar o parto. A falta de preparo adequado de alguns médicos, que acreditam ter mais controle em uma cesariana, é outro dos motivos para que este parto seja tão indicado por eles.

Ou seja, em grande parte das vezes o motivo para a realização do procedimento cirúrgico nada tem a ver com o bem-estar da mãe e do bebê.

Por que a maioria das mães optam pela cesárea?

Principalmente pela falta de conhecimento sobre o parto humanizado. Isso faz com que as gestantes sejam mais facilmente influenciadas pela cultura da cesareana. Em contrapartida, o parto natural é visto pela sociedade como um procedimento antigo e doloroso. O medo criado na cabeça dos pais por esta cultura, que coloca a cesariana como o método mais seguro e o parto natural como algo perigoso, faz com que a cesárea seja a opção escolhida tantas vezes.

A importância de contar com um profissional humanizado

O parto natural, além de acontecer sem intervenções desnecessárias, respeita a fisiologia natural do processo do nascimento. Por isso, é o método menos traumático para a mãe e para o bebê. Este procedimento apresenta quatro vezes menos riscos de infecção depois do parto. Além disso, a recuperação da mãe é muito mais rápida e o tempo de separação do bebê é menor. Estes são apenas alguns dos dados importantes que a cultura de cesareana não divulga.

A forma como o bebê virá ao mundo deve ser uma escolha dos pais da criança. Para isso, é fundamental que ambos tenham conhecimento sobre a realidade de cada parto. Contar com um profissional humanizado, desde o início da gestação, garante o acesso a informações relevantes e precisas sobre o parto natural. Assim, os pais evitam a influência negativa de uma cultura mal-informada.

Você já escolheu o profissional humanizado para acompanhá-la durante a gestação? Se precisar de ajuda, deixe um comentário que poderemos ajudá-la nessa busca!

 

 

2 Comments

  1. priomm Reply

    Oi! Gostaria de ter indicações de profissionais em Porto Alegre, pois meu marido e eu estamos pensando em engravidar, mas temos uma situação de saúde bem específica e gostaríamos de saber se poderíamos ter um parto natural, pois isso define muitas escolhas nossas, antes mesmo de todo o processo.
    Muito obrigada!

    1. Larissa Reply

      Olá
      Sim indicamos a doula Zezé 51 991236136
      E a médica obstetra Ana Claudia Codesso 51 33151000.
      Ambas te acolheram com muito respeito e qualidade!
      Abraços e tudo de bom!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *